fbpx
marketing
Foto Visual Hunt
Publicidade

30 razões para investir em marketing

Não é novidade que economia brasileira está enfrentando dificuldades nos últimos anos. Portanto, esse é momento de tratar de marketing como forma de reverter os efeitos de crise

Quando uma economia está favorável, os empreendedores não abrem mão de investir parte do seu capital em marketing. Mas, quando as empresas têm um problemas de redução de faturamento ou crise, muitas param de investir em marketing . O que é uma decisão equivocada.

E quer saber por quê? É muito simples. O marketing tem a responsabilidade de definir a postura de mercado do seu negócio e o modo como é visto por sua clientela. É o marketing que comanda a companhia visando atender aos desejos dos clientes. Portanto, essa é hora de descobrir: por que vale tão a pena apostar no marketing.

1 – Custo x Benefício

O marketing é algo essencial para empresas de todos os portes. De uma microempresa até uma multinacional, todos podem tirar proveito e alcançar melhores resultados, especialmente em um período de estagnação. Sete em cada dez pequenos negócios apostam em propaganda para frear a crise, de acordo com o Sebrae. 

marketing
Foto Visual Hunt

2 – Mensuração de resultados

Uma das formas de investir em publicidade é optando pelo marketing digital. Essa ferramenta oportuniza que todos os planos sejam mensuráveis. Quer dizer que você sabe, ao finalizar uma  campanha, qual foi a despesa de captação, conversão e atração. Por consequência, o investimento fica muito mais assertivo com o ROI (retorno sobre investimento) otimizado.

3 – Geolocalização

Hoje em dia, o empreendedor não precisa mais perder tempo e dinheiro com marketing que não agrega ao negócio. Isso se torna possível com realização de campanhas geolocalizadas, em que se concentra o trabalho em regiões geográficas específicas, como uma comunidade, bairro ou cidade.

Uma das formas é adotar a tecnologia GPS para efetuar ações de marketing com coordenadas precisas de localização. 

Outra possibilidade de campanha em regiões específicas e que impacta diretamente o público-alvo é a publicidade em saquinhos de pães realizada pela PremiaPão.

 Com valores acessíveis e um produto que está diariamente na mesa do brasileiro, essa é uma tendência que pode fazer a diferença no seu empreendimento. Pequenas e grandes empresas já conquistaram grandes resultados anunciando com a PremiaPão, como é o caso da Labocliv. Confira no vídeo abaixo. 

4 – Segmentação de Consumo

Mais do que obter segmentação pela localização, dá para executar campanhas para determinar os níveis de consumo. O intuito é deixar mais clara e segura a estratégia de marketing, seja de publicidade ou direcionada para a criação de produtos voltados para um nicho.

marketing
Foto Visual Hunt

Assim, dá para desenvolver estratégias assertivas e ligadas ao público-alvo de seu negócio, adequando formas e  mensagem. Consequentemente, as ações tendem a se refletir positivamente no aumento de conversão. 

5 – Tempo Real

As empresas de marketing podem ser de  grande de auxílio no dia a dia, todavia não asseguram o sucesso viral de uma ação. Afinal a internet é um espaço no qual dá para alcançar uma quantidade surreal de audiência. Mas, o marketing digital se diferencia por permitir ajustes e adequação em tempo real, podendo se corrigir o que não está surtindo efeito com seu público. 

6 – Monitoramento

Com a ferramenta certa, dá para acompanhar as menções a uma marca. Isso oportuniza o acesso a percepção da companhia na visão dos clientes. Ou seja, são inúmeras informações a sua disposição para análises, estratégias e posicionamentos a fim de assegurar a aproximação com o consumidor final.

7 – Relacionamento

O marketing faz com que a marca se aproxime de seu público-alvo, conquistando clientes que tenham a mesma forma de pensar, e, desse modo, possa se estabelecer uma ligação. O cliente pode até se tornar uma fã, que além de comprar ou contratar, também defende o seu negócio, acredita nele, dá sugestões e recomenda para conhecidos. 

8 – Personificação de público-alvo

Um ponto positivo relacionado ao marketing se refere a possibilidade de segmentação de mensagens para determinadas audiências. Por isso, é importante a criação de buyer personas, perfis fictícios de clientes reais que ajudam a criar estratégias de divulgação. Esse trabalho pode ser feito após entrevistas e pesquisas com clientes e clientes em potencial. A partir daí, dá para definir a linguagem e os melhores canais para comunicação.

9 – Projeção de retorno

A facilidade de projetar o retorno de cada campanha promovida pelo marketing é, provavelmente, uma das grandes aliadas nos dias de hoje. Isso porque você não permanece no escuro e sabe se a estratégia está funcionando prontamente. Junto com os resultados, você identifica os pontos que deve aprimorar visando acelerar o trabalho executado.

10 – Planejamento antecipado

Se dezembro é um período no qual as procuras caem, é o momento ideal para planejar e definir os objetivos e personas para iniciar o próximo ano e, consequentemente, aumentar a sua clientela. Afinal, o tráfego tende a retomar em janeiro com a busca por novas soluções. Se você realiza o planejamento anual com antecipação, por que a estratégia de marketing seria diferente? Coloque em prática o que planejou!

11 – Aproximação à clientela

O marketing de conteúdo também colabora para reduzir a distância do público-alvo. Afinal, desenvolver valor de maneira frequente aos seus visitantes, transformando-os em leads e, posteriormente, clientes, ocorre de modo mais  eficiente através de marketing de conteúdo. Um bom exemplo de marketing de conteúdo são os blogs. Se você ainda não utiliza essa estratégia, analise a possibilidade de implantá-la. 

12 – Datas sazonais

Um erro é considerar o mês de dezembro morto para os negócios, dependendo do setor. Normalmente, a quantidade de pesquisas no Google cai consideravelmente, mas não significa que param. Ainda é uma excelente chance de tentar mostrar o seu diferencial competitivo e até tirar proveito das datas sazonais para atingir ainda mais público, com Natal, Ano Novo, Férias e demais datas. Se o seu negócio é uma clínica de exames, por exemplo, que tal apostar no período das férias para incentivar as pessoas a cuidar da saúde em um período em que estão mais livres? Pense nisso!

marketing
Foto Visual Hunt

13 – Resolução de problemas

O marketing também é um aliado no momento de solucionar queixas corriqueiras. Já que a comunicação negativa pode prejudicar novos negócios e a conquista de clientes. Divulgação dos canais de atendimento físicos ou digitais e elaboração de um roteiro com FAQ (as perguntas mais frequentes sobre produto ou serviço) são algumas das formas de otimizar tempo e evitar problemas de comunicação. 

14 – Monitoramento da concorrência

Se a sua marca não está se comunicando com público, provavelmente um concorrente está. Por isso, uma das formas de adequar o marketing ao seu nicho de atuação é acompanhar o trabalho de seus concorrentes. Esse monitoramento pode levar em conta precificação, prazos de venda, entrega, campanhas, promoções e até o feedback dos clientes nas redes sociais de seus adversários.  

15 – Atemporal

O marketing de conteúdo conta com particularidade muito grande: não para o resultado. Se uma propaganda sair em um momento, um artigo publicado no blog seguirá a atenção e será postado nas redes sociais. Por isso, é uma estratégia de marketing que pode gerar resultados a curto, médio e longo prazo.

Foto Visual Hunt

De acordo com uma pesquisa nacional da HUBpost, referência no Inbound Marketing, companhias que usam técnicas de SEO e conteúdo para angariar leads possuem até 60% mais chance de alcançar ROI positiva em comparação com as que usam só técnicas de venda direta.

16 – Conquista de Autoridade

Hoje em dia, você pode disseminar conteúdo relevante em diversos canais por conta própria, como em um blog, ou em canais tradicionais, como uma entrevista para um veículo de comunicação de sua cidade. E ainda combinar essas duas vertentes. Afinal, a empresa transmite mais credibilidade ao seu público podendo ganhar status de autoridade no tema, aumentando as chances de novos negócios com sua audiência. 

17 – Testes e lançamentos

O consumidor é o pilar de qualquer negócio bem sucedido. Por isso, é possível tirar proveito dessa relação próxima com público para fazer testes e até lançamentos visando ousar e crescer no seu segmento. O marketing é um canal importante para experimentar mudanças de rotas, inovações e avaliar a recepção do seu público. Assim, ajustes podem ser realizados e objetivos alterados para atender a sua demanda. 

18 – Jornada de compra

O desenvolvimento de conteúdo focado no seu público tem a capacidade de entregar algo de alto nível com informação, essencial para educar a audiência. O marketing auxilia os clientes que almejam adquirir produtos e serviços, só que não possuem noção do que comprar. Por isso, o material precisa ser útil e que resolver os problemas do leitor na hora de fechar o negócio. Por isso, conhecer a sua persona é tão importante.

19 – Crossmedia

O marketing deve abranger estratégias convencionais e digitais. O material do blog tende a ser disseminado nas redes sociais, e-mail marketing e nos canais tradicionais. Assim, o trabalho pode ser aproveitado e adaptado para funcionar em várias plataformas, promovendo a atuação denominada “crossmedia”. Ou seja, a integração completa de conteúdo com diversas plataformas de mídia visando chegar ao seu consumidor.

20 – Chamar atenção dos leitores

A leitura e o compartilhamento dos materiais interessantes são aceitos por 60% dos consumidores. Além disso, 70% deles se sentem mais perto das companhias que abraçam essa técnica de marketing, conforme estudo da Demand Metric. Os dados provam que a ideia de quanto maior for investimento em informações úteis, mais o marketing é assertivo e decisivo na tomada de decisão de compra.

21 – Identificação

Não se trata apenas de acertar o público que se enquadra na sua persona ideal, é indispensável comunicar de forma que ela compreenda, dentro do seu contexto cultural, econômico e social. Isso porque se o público não se identificar com a sua mensagem, dificilmente vai se tornar um cliente.

22 – Confiança

Essa é uma consequência de um planejamento de marketing adequado. Quando o cliente se identifica, estabelece uma conexão, passa a dar valor à mensagens. E, gradativamente, vai estabelecendo um elo. Só que ganhar confiança é um trabalho que demanda atenção, investimento e persistência. É indispensável seguir gerando identificação, seu produto ou serviço deve criar e suprir alguma necessidade.

23 – Apresentação de um novo mercado

A criação de novos produtos e serviços ou a sua entrada em um novo segmento sempre são desafios para as companhias. Algumas vezes, se trata de algo bem específico ou com um pouco de resistência da audiência. Por isso, o trabalho do marketing será apresentar ao público, que antes desconhecia o seu produto e serviço, às suas aplicações e funcionalidades.

24 – Conquista de novo público

Com a entrada em um novo mercado, a conquista do seu novo público também passa pelo trabalho bem feito com marketing. Afinal, é preciso desenvolver a confiança do consumidor no seu produto para resolver as suas pendências a partir da apresentação do potencial de seu produto e serviço. Assim, quando a persona é atraída para seu material, é preciso despertar interesse de forma educativa nas mais variadas mídias e, por fim, levá-la até o ato da compra.

25 – Rankeamento no Google

Quem não gostaria de ter o site surgindo nos primeiros resultados de um busca orgânica? Nesse caso, o marketing é fundamental. Ao abraçar essa estratégia, a sua companhia passa a ter mais importância para o algoritmo do buscador, que estabelece o ranking de resultados de pesquisa. As oportunidades são imensas, uma vez que mais de 100 bilhões de pesquisas são feitas mensalmente no Google.

26 – Criatividade

De acordo com dados do Sebrae, é necessário melhorar, intensificar e inovar a forma de divulgar produtos e serviços, especialmente, entre os pequenos negócios. Afinal, o marketing tem a capacidade de identificar o desejo do cliente e descobrir maneiras de facilitar essa comunicação. 

marketing
Foto Visual Hunt

Quando se trata de um empreendimento de pequeno porte, essa sensação de estar próximo e fazer parte da comunidade tende a ajudar muito na fidelização. Já que o cliente reconhece uma solução para sua necessidade e se sente prestigiado no estabelecimento. 

27 – Faturamento

O investimento no segmento de marketing cresceu quase 10% em 2018, de acordo com estudo da CMO Survey. Com ferramentas adequadas à disposição, é possível fazer a integração dos sistemas digitais e tradicionais de marketing visando se destacar no mercado com práticas mais assertivas aumentando, consequentemente, o faturamento.

28 – Fidelização do cliente

Segundo o especialista em marketing, Philip Kotler, conquistar um novo consumidor custa entre 5 a 7 vezes mais do que fidelizar um atual. Conforme pesquisa da empresa de análise de dados, Econsultancy, quem já comprou possui 50% de chance de provar novos itens e gastar até 30% a mais do que a clientela nova. Com um cliente satisfeito, a companhia agrega valor ao negócio, ganha autoridade no mercado e diminui custos. 

29 – Resgate de antigos clientes

Vale a pena trabalhar para manter um cliente satisfeito, bem como para voltar a contar com cliente antigo. Afinal, a marca necessita realizar uma série de medidas custosas para atrair e convencer um novo comprador. Com ferramentas de marketing, é possível identificar aqueles que não compram há algum tempo e planejar ações, promoções e recomendar produtos específicos para reconquistar esse antigo consumidor. 

30 – Satisfação do consumidor

Conforme a visão de marketing de Kotler, dá para notar o quão prejudicial é a falta de cuidado com a base consumidora. Afinal, um cliente satisfeito fala para três pessoas sobre a sua experiência positiva, enquanto um consumidor insatisfeito comunica até 11 pessoas de sua experiência negativa. Portanto, o cliente satisfeito é o marketing mais eficiente hoje em dia.

8 formas de fazer publicidade para o negócio

Agora que você já conferiu 30 motivos para investir marketing, conheça 8 modos de fazer a divulgação do seu empreendimento. Vamos lá?

1 – Saquinhos de pão

O pão é um alimento de ingestão diário. Alguns estudos indicam que mais de 90% da população global consome pão. No território nacional, o pão francês é o predileto dos brasileiros, com 58%.

Essas informações ajudam a justificar o motivo de muitos empreendimentos estarem adotando o saco de pão como parte da estratégia de marketing. A divulgação de publicidade  no saquinho de pão amplia a comunicação do anunciante através do marketing de vizinhança com anúncios geolocalizados. Ou seja: a publicidade é entregue diretamente ao público-alvo.

Atualmente a PremiaPão é a empresa de publicidade em saquinhos de pão líder do segmento. Para saber mais sobre a mídia, clique aqui.

2 – Cartões diferenciados

Já pensou em desenvolver cartões que as pessoas queiram guardar? Afinal, boa parte dos cartões de visita é jogada fora depois de uma reunião. No lugar do cartão descartado, pense em um formato útil para as pessoas.

Por exemplo, um bloquinho de anotações com dados de contato em todas as páginas. Um bloco de notas é utilizado todos os dias e se torna uma lembrança forte. Outra opção é a criação de calendários. Afinal, quem não precisa de um calendário todo ano? Eventualmente, todo mundo vai consultar o calendário físico.

3 – Customer Relationship Management (CRM)

Caso você não saiba, o Customer Relationship Management (CRM) é algo destinado a gestão do relacionamento com a clientela. É um termo criado para definir todos os de sistemas de informação ou ferramentas que automatizam o contato com consumidor.

Portanto, é um sistema informatizado que permite uma comunicação eficaz e com mensagem atrativa. Como um newsletter, ofertas especiais, mensagens em datas comemorativas ou uma mensagem personalizada para quem não efetua uma compra há algum tempo.

4 – Contato digital e tradicional

A partir do CRM, é possível apostar tanto nas mídias digitais. Possivalemnte você tem o e-mail do seu cliente e deve se comunicar com ele através dessa plataforma.

Foto Visual Hunt

Econômico e ágil, o email é uma excelente forma de comunicação nos dias de hoje. Mas, você pode se diferenciar da concorrência ao enviar cartas pessoais pelo correio para clientes antigos e fidelizados. A questão é se certificar que essas correspondências tenham mensagens relevantes, trazendo valor para o seu leitor referente ao seu negócio.

5 – Feiras e conferências

Outra maneira de utilizar o marketing é saindo de sua sede e estando ao lado das pessoas em feiras, festas e seminários. O ideal é que a participação nesses eventos tenham algo a ver com o seu nicho ou sejam localizados em um lugar com audiência identificada. 

Além disso, você pode elaborar folders e outros materiais relevantes com apresentação de serviços, dados de contato, encartes com novidades sobre os seus serviços ou produto e até um hotsite especial sobre o evento.

6 – Imprensa local

Os veículos de imprensa são ótimas ferramentas para você atrair mídia para o sei negócio. No entanto, você precisa de uma notícia interessante e um momento apropriado para chamar a atenção de jornais, televisões, sites de notícias, jornais ou rádios.

Foto Visual Hunt

O trabalho de assessoria de imprensa pode ser trabalhado em conjunto com o marketing de sua companhia, visando encontrar o assunto e o período ideal para ganhar essa repercussão.

7 – Programa de fidelidade

Diz o ditado que “mais vale um pássaro na mão do que dois voando”. O conceito também pode ser aplicado ao marketing com a valorização dos clientes fiéis visando aumentar a sua quantidade de vendas.

Todo mundo adora receber benefícios e descontos diferenciados. Uma forma atual de fazer isso é criando um programa de fidelidade. Sendo assim, é possível até fomentar o bom e consagrado “boca a boca” tradicional ou nas redes sociais. 

Quando o freguês está satisfeito, ele faz questão de compartilhar a sua experiência com outras pessoas e fortalece a marca. Por isso, a marca pode aproveitar esse feedback positivo e até compartilhar o relato nas suas próprias redes sociais.  

8 – Links patrocinados

Provavelmente, você sabe que o site é mais acessado é o buscador do Google. Então, por que não aproveitar esse gigante da internet e tirar proveito dessa exposição? Nesse caso, a melhor alternativa para o seu marketing é apostar nos links patrocinados. 

marketing
Foto Visual Hunt

Isso quer dizer aqueles resultados patrocinados que surgem com destaque no topo da página, logo acima dos resultados de pesquisas orgânicas. Dessa maneira, você consegue tráfego significativo para site, blog, canal de vendas ou redes sociais. 


Categorias