Franchising segue crescendo no Brasil
Franchising segue crescendo no Brasil
Economia Franquia

Franchising registra projeção otimista para 2017

No ano passado, o setor de franchising foi um dos poucos setores que registrou um crescimento positivo. Recentemente, a Associação Brasileira de Franchising (ABF) divulgou um dado bem interessante: o setor de franquias registrou um crescimento positivo no último ano. De forma bem simples, houve um crescimento de 8,3% na receita bruta em relação a 2015, com o número passando de R$ 139,593 bilhões em 2015 para R$ 151,247 bilhões em 2016.  Mas, para este ano, os dados são ainda mais interessantes, pois a projeção ficou entre 7 a 9%.

Essa é uma previsão bem otimista, porém, justificável. O mercado de franquias segue em expansão, por isso esse percentual tem grande chance de se validar. Isso se intensifica, principalmente, quando se trata de novas unidades e modelos, que foram sugeridos pela franqueadora. De certa forma, os números seguem positivos e são bastante encorajadores.

Franchising: tendência que se fortificou

No geral, as franquias surgiram como uma das grandes tendências do mercado em 2016. Mas, esse negócio surgiu no começo dos anos 60, porém, só se fortaleceu nos anos 2000.  Atualmente, as franquias já ganharam força e se consolidaram no mercado. E isso se justifica porque houve um aumento na procura de atividades que conseguissem unir satisfação pessoal com uma renda mensal. Ou seja, hoje, mais do que nunca, as pessoas estão buscando bem estar e qualidade de vida com a profissão que escolheram. Por isso, é tão comum acompanhar casos de pessoas que largaram a profissão para apostar no empreendedorismo proporcionado pelas franquias.

Com a ajuda das franquias, empreender se tornou algo menos complexo. Liberdade, autonomia no trabalho e uma ocupação são uns dos principais pontos do empreendimento. Essa busca acontece, principalmente, em tempos de crise, como o que foi o caso vivenciado no último ano. Empreender por franquias, oferece ao empreendedor a oportunidade de investir com mais segurança, menos esforço, crescimento e consolidação da marca.

 

 

Categorias