Geração Y: desafios e anseios no mercado de franquias
Geração Y: desafios e anseios no mercado de franquias
Economia Empreendedorismo

Geração Y encontra espaço no franchising

Você faz parte da geração Y? Para se conseguir se identificar e reconhecer este grupo, continue a ler este texto. Esta geração Y, engloba as pessoas nascidas entre as décadas de 80 e 90. Mas, além disso, essa geração Y pode ser considerada como a turma do milênio ou da internet. Isso porque, atualmente, esse grupo faz uso das tecnologias disponíveis e, principalmente, da internet. E é marcada por ter ideias inovadoras, buscar por atividades variadas e que sejam instigadoras. Por causa disso, é comum reconhecer essas pessoas investindo em profissões que estão em alta no mercado. Devido as outras atividades que possuem – estudos e compromissos pessoais – os integrantes dessa geração precisam apostar em profissões, que se encaixem ao estilo de vida que possuem.

Diferente da anterior geração Z, a Y, por sua vez, se consolidou em uma época marcada por transformações. Em média com 30 anos de idade, estes jovens adultos conseguiram ousar e apostar em situações que antes eram incomuns. Uma delas é o fato de deixar de lado profissões tradicionais para investir na carreira como empreendedores. Ou para simplesmente apostar em criar seus próprios empregos, com o objetivo de buscar um estilo de vida mais livre. Além disso, buscam um equilíbrio entre a vida pessoal e profissional, considerando, às vezes, o bem estar no lugar de uma boa remuneração.

Recentemente, a PremiaPão foi destaque em uma matéria sobre a como geração Y quer modelos mais flexíveis. Segundo a matéria, “as franquias são modelos bem sucedidos que atraem jovens interessados em empreender, mas com pouca experiência. Eles se encantam enquanto estão aprendendo, mas logo começam a querer aperfeiçoar o negócio. Se não houver espaço e flexibilidade para isso, eles partem para outro projeto”. Isso já resume um pouco do perfil destas pessoas.

Para acessar o conteúdo, clique neste link aqui e faça um cadastro rápido para ler.

Franchising como uma aposta para a geração Y

Diante de todas as informações que você ficou sabendo a partir da leitura deste texto, conheça mais sobre o perfil desse público no segmento de franchising. Com a possibilidade de se trabalhar home based, por um tempo mínimo de poucas horas de trabalho por dia e baixo investimento, o modelo de trabalho das microfranquias conseguiu conquistar bons números de empreendedores. Além disso, proporciona ao empreendedor um bom retorno financeiro mensal, o que promove mais segurança para o jovem.

Essa opção permite se manter apenas com a renda proveniente da atividade como empreendedor. Portanto, o franchising se enquadrou como uma boa opção por oferecer uma oportunidade de negócio que costuma atender esse público. Mas, isso costuma acontecer em empresas que são lideradas por jovens empreendedores, que também fazer parte da geração Y. Dessa forma, conseguem oferecer ao empreendedor aquilo que eles próprios desejariam encontrar em uma franquia.

Categorias