fbpx
microfranquias
Foto/pexels
Franquia

Microfranquias: modelo de negócio lucrativo

Microfranquias permitem que você se torne chefe

Você sente que tem retorno de investimento profissional e reconhecimento na empresa em que trabalha? Ganha o que de fato é justo para a sua função? Veste a camisa de dono da empresa mesmo e dá o seu melhor, mas isso não é valorizado? Seu chefe é apenas um “chefe” ou um líder?

Você se sente reconhecida dentro da equipe que trabalha? Sua performance na empresa é vista? Sente que tem o futuro tranquilo e rentável na companhia? Têm esperanças em relação a sua aposentadoria? Se as respostas para estas perguntas forem não, talvez esteja na hora de você repensar o seu futuro.

Pode dar medo no início, mas com planejamento você pode ser o dono do seu negócio. E a opção mais segura que tem crescido mundialmente é empreender. Dentro desse ramo, um investimento barato e estável que tem crescido é o em microfranquias

Esse modelo de negócio é ideal para quem sonha em ganhar mais, ter reconhecimento pelo seu trabalho, ter uma reserva financeira mais estável, ser seu próprio chefe e ter mais tempo para a família e amigos. Isso porque você escolhe investir em um modelo de negócio que já foi pensado, testado e se provou lucrativo dentro do mercado. Inclusive, com modelo pronto para gestão de alguma crise que possa surgir. 

Conceito de microfranquia 

Contudo, você deve estar se perguntando o que são de fato as microfranquias. Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), trata-se de negócios replicados por meio do modelo de franchising e que necessitam de um investimento inicial inferior ao de uma franquia

Esse investimento inicial é calculado pela ABF e precisa ser no máximo três vezes o PIB (Produto Interno Bruto anual médio por habitante do país), o dado é obtido em cima de um padrão que leva em consideração o valor do PIB. Atualmente, estamos falando de um investimento de até R$ 100 mil. 

Tipos de microfranquias

Existem diversos estilos de microfranquias, mas para facilitar e distinguir esses formatos, a ABF criou uma definição com dois modelos diferentes, intituladas puras e mistas. O referencial utilizado para definir os modelos é o valor inicial que precisa ser investido no negócio. Nesse caso, as microfranquias puras consistem em um formato de redes de franquias que precisam de um investimento inicial de até R$ 90 mil. Já as microfranquias mistas são redes de franquias que possuem dois formatos de operações. Uma com investimento inicial de até 90 mil e outro com investimento inicial acima desse valor.  

Modelo home based  

Um pensamento comum, que pode angustiar muitas pessoas, é associar que empreender deve envolver ser chefe de outras pessoas, ou seja ter responsabilidade com funcionários, precisar manter um espaço físico com contas fixas para pagar, como água, luz, telefone, IPTU e direitos trabalhistas. Mas, não é necessário.

Você pode empreender sem precisar se preocupar com esse tipo de coisa e trabalhando de onde você quiser, inclusive de casa, gerindo seu tempo e participando mais da rotina de sua família.

As microfranquias de estilo home based podem lhe proporcionar esse conforto, já que você pode fazer a sua base de trabalho em casa e organizar a sua agenda de trabalho externo de acordo com as suas prioridades, quando caso você for prospectar novos clientes. Além de excluir os gastos com quadro de funcionários, custos de estoque e energia, por exemplo.

Você também vai poder se organizar e escolher participar da apresentação da sua filha na escola, enquanto o seu negócio flui bem e paralelamente. Não precisa mais ficar se sentindo mal em perder algum compromisso de família ou se privar de viver uma situação única com seus filhos.  

Uma das principais vantagens de se ter uma microfranquia é realmente escolher um modelo de negócio que você já sabe o valor que precisa ter para fazer o investimento inicial, quais serão os lucros da empresa, o que o público espera em relação ao produto ou serviço e também as reações do mercado. Isso tupo por já existir uma empresa que foi pensada e testada pelo seu franqueador.

Outra dúvida que pode surgir por ser um modelo de negócio pronto e já testado no mercado por outra pessoa, é de que você seria uma espécie de “funcionário” do criador da microfranquia e a resposta é não. As microfranquias têm leis e umas das principais é garantir que não haja vínculo empregatício entre microfranqueadora e microfranqueado. 

Além disso, também está previsto e garantido por lei que o microfranqueado tenha acesso a todas as informações relevantes sobre a microfranquia antes de assinar o contrato e pagar quaisquer valores. Se você preferir dar uma olhada nas leis das franquias clica aqui e tenha acesso a todos os detalhes. 

 Agora que você já conhece o conforto e a praticidade de empreender em uma microfranquia home based, listamos alguns modelos de pequenas franquias de sucesso nesse estilo para você ir descobrindo em que área quer investir. 

Lista de microfranquias 

1 – PremiaPão

Você já deve ter visto na mesa da sua casa ou em algumas padarias da sua cidade publicidade em saquinhos de pão. Essa é exatamente a especialidade da PremiaPão, uma microfranquia home based, em que o franqueado consegue atuar nas vendas e distribuição das embalagens para padarias parceiras. Ou seja, o microfranqueado vende um espaço de publicidade para marcas de pequeno e médio porte da sua região. Como o pão não falta na mesa do brasileiro, é uma forma de estar sempre presente e atingindo o consumidor final, através de uma publicidade mais barata. Um diferencial é que a rede promove premiações para engajar os consumidores, através de códigos promocionais presentes nas embalagens. Se você quiser saber mais sobre a PremiaPão clica aqui. 

Investimento inicial: R$ 10 mil a R$ 20 mil
Taxa de franquia: R$ 10 mil a R$ 20 mil
Royalties: a partir de R$ 510
Faturamento médio: R$ 14 mil
Prazo de retorno: 2 a 3 meses

2 – Acquazero 

acquazero

Trata-se de uma rede de franquias automotivas com serviço de lavagem ecológica de veículos, utilizando 300ml de água para a limpeza dos carros. Nesse caso, as franquias podem ser instaladas em shoppings, hipermercados, concessionárias e a rede também disponibiliza para os futuros franqueados uma versão do negócio no formato home based, opção mais barata que funciona com atendimento delivery. 

Investimento inicial: R$ 10 mil a R$ 198,6 mil
Taxa de franquia: R$ 5 mil a R$ 120 mil
Royalties: R$ 250 a R$ 1 mil
Faturamento médio: R$ 70 mil
Prazo de retorno: 3 a 24 meses

3 – Lien

lien 2

Trata-se de uma franquia que oferece mais de 95 ramos de seguros. Entre as área de ação estão seguro de vida, automóvel, empresarial, transporte e muito mais. O modelo de negócio permite o trabalho no modo home based ou, se o franqueado preferir, pode criar um escritório comercial. 

Investimento inicial: a partir de R$ 10 mil
Taxa de franquia: variável
Royalties: 20%
Faturamento médio: variável
Prazo de retorno: 6 a 12 meses

4 – Siga Cidades 

siga cidades

Trata-se de uma rede de franquias de aplicativo que funciona como um guia comercial digital. O aplicativo oferece diversas soluções de Marketing Digital para empresas e negócios locais. Nele, as empresas podem montar um perfil com informações de funcionamento, contato, cardápio, fotos, cupons de descontos e muito mais. Nesse modelo, o franqueado trabalha de casa com foco na área comercial. 

Investimento inicial: a partir de R$ 15 mil
Taxa de franquia: R$ 15 mil
Royalties: 1 salário mínimo
Faturamento médio: R$ 7 mil a R$ 18 mil
Prazo de retorno: 3 a 4 meses

5 – Rede Vistorias 

franquia-rede-vistorias-5

No Brasil ainda é muito forte o sonho da casa própria e a proposta dessa microfranquia é atuar na vistoria imobiliária em processo de compra, venda e locação de imóveis. O modelo home based  é denominado “Vistoriador” e permite que o franqueado trabalhe de casa e com registro de MEI (Microempreendedor individual). 

Investimento inicial: R$ 20 mil a R$ 50 mil
Taxa de franquia: a partir de R$ 15 mil
Royalties: variável
Faturamento médio: variável
Prazo de retorno: 6 a 14 meses

6 – Tudo Bem Seguros

franquia-tudbem2

Rede de microfranquias de corretoras de seguros. A marca tem parceria com diversas seguradoras que oferecem, desde seguro de vida, automotivo, residencial, saúde, empresarial até agrícola. Além disso, ela possibilita três modelos de negócio: home based, coworking (disponível apenas em São Paulo) e business (voltado para quem já é empresário).

Investimento inicial: R$ 23 mil
Taxa de franquia: R$ 18 mil
Royalties: 20% do faturamento
Faturamento médio: R$ 15 mil
Prazo de retorno: 6 meses

7 – Health Cred

franquia-health-cred

O modelo de negócio se enquadra nas franquias baratas e lucrativas para cidades pequenas por oferecer soluções de crédito para serviços de saúde. Por meio dessa marca, os pacientes podem pagar parcelado serviços médicos, odontológicos, cirurgias plásticas, parto, internações e diversos tratamentos. Além disso, os profissionais recebem o pagamento à vista. E o dia a dia do franqueado pode ser feito no estilo home based.

Investimento inicial: a partir de R$ 23,8 mil
Taxa de franquia: R$ 20 mil a R$ 60 mil
Royalties: 6% dos honorários do franqueado
Faturamento médio: R$ 13,5 mil a R$ 50 mil
Prazo de retorno: 3 meses

8 – Avec

franquia-avec-2

A franquia possui soluções tecnológicas, como sistemas de gestão, desenvolvimento de aplicativos, soluções para pagamentos online e marketplace para empresas que atuam na área de beleza e bem-estar. O modelo de trabalho também é home based. 

Investimento inicial: R$ 26 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil
Royalties: R$ 300
Faturamento médio: R$ 15 mil
Prazo de retorno: 3 meses

9 – Guia-se

guiase_ipad

Rede de microfranquias de Marketing Digital que oferece aos seus clientes desenvolvimento e hospedagem de sites, registro de domínios, conteúdo, SEO, E-mail Marketing, consultoria, gerenciamento de redes sociais e muito mais. Os franqueados são responsáveis pela gestão administrativa, comercial e desenvolvimento e podem trabalhar no formato home based. 

Investimento inicial: a partir de R$ 39,9 mil
Taxa de franquia: a partir de R$ 29,9 mil
Royalties: 10%
Faturamento médio: R$ 10 mil a R$ 20 mil
Prazo de retorno: 6 a 24 meses

10 – FRVendas

frvendas

Franquia especializada em treinamentos na área de vendas para empresas e vendedores, por meio de uma metodologia própria. O franqueado consegue trabalhar no modelo home based com foco no atendimento de micro, pequenas e médias empresas. 

Investimento inicial: R$ 14,4 mil a R$ 19,9 mil
Taxa de franquia: R$ 11,9 mil a R$ 14,9 mil
Royalties: R$ 1,28 mil
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 3 a 10 meses 

Crescimento de microfranquias no Brasil

Depois dessa lista, você conseguiu ver diversas opções de microfranquias baratas de sucesso, mas se está se perguntando porque não tinha ouvido falar antes sobre essa possibilidade de investimento, saiba que não é por falta de tempo no mercado.

Talvez não tenha ouvido falar anteriormente porque economia e investimentos não são assuntos que viraram temas corriqueiros na vida dos brasileiros. Na verdade, criou-se um “tabu” que afasta a maioria da população dessas possibilidades, como se para você se torna um investidor precisa-se ter necessariamente muito dinheiro disponível, mas as microfranquias são uma forma real, barata e segura de investimento. 

O mercado de franquias surgiu no Brasil na década de 90 e é considerado até hoje um mercado relativamente estável – até porque desde quando surgiu no país sempre esteve em crescimento. A legislação das franquias, por exemplo, que é utilizada até hoje, foi criada em 1994 e o modelo de negócio é uma opção segura para empresários e até investidores iniciantes, justamente por ter um modelo já testado no mercado, com clientes interessados e também com um plano de crise pronto para o franqueado utilizar em qualquer eventualidade. Inclusive, em anos difíceis economicamente para o país, como em 2017, em que mesmo com a crise o mercado de franquias faturou R$ 163 bilhões de reais. O montante representa um crescimento econômico de 8,1%. 

Segundo a ABF, a cada 100 novas franquias abertas, apenas 15 encerram suas atividades, em até 10 anos. Em comparação, de acordo com estudo microfranquias baratas Sebrae, a cada 100 empresas comuns que são abertas no Brasil, 23 fecham as portas até o segundo ano de funcionamento e 75 fecham em um prazo de até 10 anos. 

Se você está convencida que abrir uma microfranquia é a mudança de vida que quer para o seu futuro profissional, existem algumas medidas que são importantes para que esse seja o seu negócio dos sonhos e você não tenha nenhuma surpresa, muito menos dor de cabeça com o investimento.

Por isso, primeiro, você precisa conhecer bem cada detalhe dessa empresa. É um segmento que você gosta? Se vê trabalhando no ramo a longo prazo? Sentiu confiança no franqueador? Viu o modelo de negócio em prática? O ideal é se cercar de todo tipo de vivência e informações a respeito da marca.

Depois de decidir a área em que quer investir, existem as decisões burocráticas. Toda franquia precisa ter uma Circular de Oferta da Franquia (COF), trata-se de, segundo o Sebrae, um documento desenvolvido pelo franqueador em que apresenta todas as condições gerais do negócio, incluindo todos os aspectos legais, custos, obrigações e responsabilidades de ambas as partes.

Esse documento precisa ser lido e avaliado com cautela e para esse processo você pode consultar um advogado de sua confiança que, de preferência, tenha conhecimento em franchising. Além disso, você também pode conversar com a sua família durante as tomadas de decisões.

Isso não quer dizer que os seus parentes vão trabalhar no seu negócio, mas que eles podem te dar suporte e apoio, desde a fase inicial de tomada de decisões até o dia a dia do trabalho. Afinal, ter ainda mais por perto quem você ama também faz parte da mudança de vida profissional e pessoal.

Depois que você decidir que esse é realmente o negócio em que quer investir, é a hora de partir para o contrato de franquia. Como foi mencionado anteriormente, o contrato é fundamental para definir as obrigações e deveres de microfranquia e microfranqueado. Além disso, nesse documento também são registradas as taxas que precisam ser pagas, as regras e dicas em relação a fornecedores, as informações essenciais de operação, fórmulas secretas e muito mais.

Ainda tem dúvidas sobre as microfranquias? Com certeza é uma decisão importante, mas para te ajudar ainda mais no seu processo de mudança de vida, do seu cargo de empregada para se tornar sua própria chefe e dona do seu tempo, a ABF criou um guia com orientações para você entender tudo sobre como funciona as microfranquias e se sentir com toda a informação necessária para começar seu negócio. No guia, você encontra desde valor do investimento até o número de unidades franqueadas. Clica aqui para ler.

Além disso, outra dica para você entender e ver de perto como funciona uma microfranquia é através das feiras de franquias e empreendedores que acontecem o ano todo. Dá uma olhada no site da ABF que pode ter alguma feira na sua cidade.

Agora, se  você viu nas microfranquias a solução para mudar de vida e ser dono de uma das melhores microfranquias do Brasil, mas está desestimulada por estar sem dinheiro ou acredita que não tem o capital necessário para começar, encontramos um vídeo, para facilitar, de Raphael Mattos, empreendedor, fundador de uma das maiores microfranquias do Brasil, a PremiaPão, e master franqueado de uma franquia americana. No vídeo, Raphael responde diversas dúvidas sobre abrir franquia sem dinheiro. Assiste, coloca todas as suas ideias no papel, já cria sua planilha de gastos e de quanto consegue juntar por mês. Ou seja, começa já a planejar para abrir a sua.

 

 

Categorias