Economia

Planejamento financeiro de forma simples e eficaz

Aprenda a fazer o seu planejamento financeiro de forma simples e  eficaz

Quem em algum momento decidiu aprender ou mexer com finanças deve ter identificado alguns termos bem específicos. Gestão de finanças, Índices financeiros, investimentos, guardar dinheiro… Esses termos podem parecer difíceis. Mas para o bom profissional autônomo, elas já fazem parte do dicionário que envolve todo o planejamento financeiro. É que, falando de empreendedorismo e franquias, gestão de finanças se torna palavra de ordem.

A forma de olhar para seu planejamento financeiro pode mudar o futuro do seu negócio e determinar se você terá sucesso ou não. Com a gestão financeira, é possível entender, por exemplo, como seu dinheiro se movimentou ao longo do ano. E dessa forma, traçar comparações e organizar metas para o futuro. E é possível aprender isso de forma simples e prática!

Vamos aprender como?

Entenda: você não estará sozinho

Ao comprar uma franquia, é dever do franqueador proporcionar o treinamento e suporte que você necessita para reger o seu negócio e entender de gestão de finanças. “Um empreendimento franqueado tem um risco menor do que um empreendimento sem franquia”, revela Roberto Ferreira, autor de livros sobre gestão de finanças como Matemática Financeira Aplicada: Mercado de Capitais, Análise de Investimentos, Finanças Pessoais.

“Apesar de ter um custo menor, em um empreendimento sem franquia você fica entregue aos seus próprios conhecimentos, à própria sorte. Na franquia, há um entendimento do mercado, um guia de como se deve atuar. A pessoa que nunca teve treinamento antes, para colocar em prática, é muito difícil. A taxa de insucesso é maior do que a taxa de sucesso.”, complementa o também professor.

É o que acontece na PremiaPão: ao se tornar franqueado, você recebe um treinamento diferenciado que também inclui gestão de finanças. “Muitas vezes o franqueado chega sem experiência nesse aspecto financeiro, e todo o treinamento vai deixá-lo mais seguro e capacitado para poder lidar com o próprio negócio”, explica Lizandra Costa, uma das responsáveis pelo Marketing de Conteúdo da empresa.

Além disso, o setor de franquias brasileiro segue em expansão: segundo dados levantados pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), o setor faturou R$44, 4 bilhões no terceiro trimestre de 2018. O número traz um aumento de 6,3% em relação ao mesmo período do ano de 2017. “A gente tem um momento que é algo inédito no País, que estamos com uma inflação dentro da meta inflacionária. O planejamento financeiro acaba prejudicado apenas se essa inflação estiver desordenada, pois aí ele só pode ser previsto por um ou dois meses”, argumenta Roberto.

Seja o diferencial

Apenas um em cada cinco microempreendedores fizeram curso ou treinamento em gestão financeira, segundo pesquisa realizada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) no ano passado. A solução é clara: quanto mais você investir em capacitação profissional, mais preparado para o mercado de trabalho estará.

“Se a pessoa realmente não teve esse treinamento, a taxa de insucesso é maior. Acaba se caracterizando como empreendimento de risco”, afirma o consultor financeiro. “Quem investe em franquia acaba saindo em vantagem, já que, apesar do capital inicial a ser pago, o franqueado recebe esse treinamento na prática do franqueador”, finaliza Ferreira.

Trace metas

Metas são importantes pois nos ajudam a chegar em algum ponto. Seja ele qual foi. Nas finanças isso não seria diferente. “A gestão de finanças está sempre relacionada a questão do futuro. Quando você tem que fazer um planejamento, existem tem três cenários: o otimista, o pessimista e o moderado. Não dá para empreender se você não tem certo conhecimento do que vai ser seu futuro”, afirma o professor. De fato, a gestão de finanças pode lhe proporcionar dados concretos para fazer o planejamento dos próximos meses e anos. São informações que lhe permitirão analisar falhas e despesas desnecessárias, bem como alternativas de lucro.

Não misture!

Separe a gestão de finanças pessoais dos gastos como empreendedor. Trabalhar de casa não significa que não há uma pessoa jurídica por trás de seu trabalho. “Quando você mistura, quando você não acompanha o dia a dia do seu orçamento e suas vendas, você vai tirar recursos diversos sem planejamento e, no fim das contas, não vai dar certo”, orienta Roberto.

Um dos grandes erros do empreendedor é acreditar que por ter uma renda derivada de um negócio, deve usar o resultado todo para si. Antes disso é necessário cumprir todas as responsabilidades financeiras com a empresa. E, após isso, direcionar o lucro livre para uso pessoal. Porque embarcar nessa decisão de misturar pode gerar problemas financeiros indesejáveis. E é algo muito arriscado a se tentar, pois pode dar muito errado e causar danos irreparáveis ao empreendedor. Em alguns casos, levando até a falência total da empresa.

Organize-se

Independente do segmento, há uma coisa em comum entre qualquer franqueado de sucesso: fazer uma gestão financeira organizada.  “Você pode ter uma franquia em que seus custos sejam elevados, mas que a diferença entre seu custo e sua receita é positivamente expressiva. É preciso ficar atento nesse índice”, explana o professor.

Manter uma planilha e outros documentos organizados, de modo a registrar e arquivar seus gastos, é uma boa dica. Desse modo, fica difícil perder o controle das finanças e acabar no vermelho. Plataformas e materiais que estão disponíveis online também podem facilitar essa caminhada. Ou seja, aplicar técnicas de planejamento financeiro podem prevenir vários problemas. Dessa forma, ao entender a importância dessa prática, o empreendedor se organiza melhor e não vai ter muitos sustos ao longo do jornada empreendedora. 

Tenha em mente o que você precisa definir como prioridade

Ter saúde financeira é um processo que se deriva de um bom planejamento financeiro. Porque, com a ajuda das ferramentas corretas, o negócio pode crescer de forma exponencial. Obtendo lucros e resultados super positivos, pelo fato de todo o planejamento financeiro estar alinhado com as metas do empreendedor.

Pensando nisso, separamos um artigo elaborado pela Endevor Brasil. Nele, é possível conferir um passo a passo. Além de sugestões de ferramentas e programas que podem ser úteis ao longo da construção de todo o plano financeiro.

Categorias

Tópicos recentes