sacolas plásticas
sacola plásticas
Sustentabilidade

Sacolas plásticas são proibidas por lei em padarias

Atenção padarias, proibição de sacolas plásticas na embalagem de pães é lei

As sacolas plásticas são, há muitos anos, causadoras de problemas ambientais, devido a grande quantidade produzida e descartada diariamente. Pensando em diminuir os danos que o plástico causa na natureza, a cidade de São Paulo aprovou a lei que proíbe a distribuição de sacolas plásticas em estabelecimentos como padarias e mercados. A alternativa para os clientes seriam as sacolas sustentáveis, que podem ser reutilizada diversas vezes.

Com o objetivo de tornar a venda de pães mais sustentável, a opção de utilizar sacos de papel nas panificadoras se popularizou com a lei e a decisão tem sido benéfica para o meio ambiente. Nos mercados, a suspensão da utilização da sacolinha também desperta alternativas, como o uso de caixas de papelão e de sacolas de pano, as famosas sacolas ecológicas.

A lei foi regulamentada no início de 2015 como uma tentativa de minimizar as consequências do grande volume de lixo plástico na cidade. Desde fevereiro do mesmo ano, os comerciantes tiveram que se adaptar a nova legislação. O estabelecimento que não cumpre as regras estabelecidas pela lei pode ser multado em até R$500 por infração.

Malefícios da utilização de sacolas plásticas

O material das sacolas plásticas despertou a atenção de ambientalistas há muitos anos. Ao contrário de resíduos orgânicos, que levam no máximo um ano para se decomporem, o plástico possui uma vida de cerca de 400 anos. Neste período, a presença dos resíduos plásticos em aterros contribui para a poluição do solo e de lençóis freáticos.

A demora na decomposição do material também influencia no acúmulo de lixo em excesso, o que causa doenças e ainda mais danos para a saúde humana e natureza. Os aterros se tornam mais cheios, de modo que sua vida útil seja reduzida consideravelmente. Além disso, os sacos plásticos compõem cerca de 10% de todo o lixo produzido no Brasil.

O descarte inadequado dos sacos plásticos também é responsável pelo aumento de inundações, uma vez que este tipo de lixo enrosca e entope facilmente bueiros e outras formas de escoamento urbanas. Quando chegam a rios e mares, o lixo é responsável pela morte de diversos animais, que os confundem com alimentos.

Categorias