fbpx
Publicidade

Panfleto: veja 10 prós e contras da mídia

panfleto

Panfleto é uma das mídias mais antigas, porém será que ela ainda é considerada uma forma de publicidade eficiente? Veja 10 prós e contras

O panfleto é uma das mídias mais antigas utilizadas por empreendedores e empresas. Ele é um meio de divulgação de uma ideia ou marca, feito de papel e de fácil manuseio. Por seu baixo custo, foi por muito tempo um meio muito utilizado para atingir grandes públicos em pouco tempo. Normalmente distribuído em semáforos e calçadas em frentes ao comércio das cidades.

O panfleto surgiu no século XII, quando circulou na Inglaterra um breve poema de amor, anônimo, escrito em latim, com o nome de “Pamphilus seu de amore” (Panfilo ou sobre o amor), que se tornou extremamente popular e foi traduzido para inglês como Phamphlet. Até os fins do século XIV a palavra “pamphlet” era usada em inglês para designar qualquer texto de tamanho menor do que os enormes livros manuscritos daquela época, antes da invenção da imprensa. 

Resultado de imagem para Pamphilus seu de amore

Nos séculos seguintes, o sentido do vocábulo evoluiu até significar um libelo difamatório, ou seja, folheto escrito em estilo satírico ou violento, especialmente sobre assuntos políticos, entrando no português com estas concepções. Os tradicionais da língua preferiam dizer em seu lugar a palavra “folheto”.

Por sua origem humilde, o panfleto acabou se tornando sinônimo daquele folhetinho pequeno, A5 ou A6, mais simples, com papel colorido ou sulfite, com duas cores no máximo. Com as novas tecnologias surgiram impressos mais sofisticados, como os panfletos online e flyers muito comuns para divulgação de eventos e empreendimentos.

Os panfletos visam apresentar, numa circulação rápida, de mão em mão, ideias, opiniões ou informações sobre diversos assuntos, como por exemplo a publicidade de um produto, orientação ou ajuda num determinado local, ou ainda a exposição de qualquer tipo de produção artística ou política, entre outros.

Os panfletos são materiais gráficos que podem apresentar sua empresa ou serviços sem serem invasivos com seu público. É possível imprimir panfletos baratos com uma boa qualidade e um conteúdo assertivo, é preciso apenas definir o formato em relação à estratégia da peça.

Normalmente a entrega dos panfletos é feita através da panfletagem, ou seja, são contratadas pessoas que ficam em pontos estratégicos, como semáforos e calçadas com grande fluxo de pessoas, e elas abordam quem está passando por ali e entregam os panfletos.

A panfletagem é que uma estratégia de marketing considerada tradicional, sendo uma das mais antigas ferramentas para promover a marca, serviços e produtos de uma empresa. É boa para ser utilizada na captação de clientes, e pode ser interessante para informar e impactar as pessoas que moram ou passam diariamente por perto de seu negócio.

Existem alguns tipos de panfletos, cada um tem o seu propósito. Os panfletos de divulgação normalmente são distribuídos para divulgar um novo estabelecimento, ou promoções em estabelecimentos já existentes, como restaurantes, por exemplo. O panfleto informativo já serve para passar informações sobre diversos assuntos. Panfletos criativos costumam atrair mais os olhos dos possíveis clientes e chamar mais a atenção para a informação ali inserida.

Porém, cada vez fica mais claro o papel e a importância do digital na sociedade corporativa atual. Por consequência, um questionamento se torna cada vez mais evidente: como fica a Mídia Tradicional, como é o caso dos panfletos, nessa história? Será que ainda tem alguma participação ou pode ser considerada morta? Quais são as reais vantagens e desvantagens no seu uso?

Alguns marqueteiros defendem que manter a tradição é importante para boas práticas de publicidade e que uma mídia não vive sem a outra. Já para alguns profissionais mais modernos, o online veio para ficar e o offline morreu. Prova disso é a velha máxima que diz que os jornais impressos estão com tempo contato e por isso tratam de tornar seu conteúdo web cada vez mais forte.

Contudo, especialistas como Martha Gabriel e Philip Kotler, tidos como os maiores e melhores do ramo no Brasil, afirmam que essas são mídias complementares e ambas devem coexistir. Se distinguem os publicitários que sabem transitar com habilidade entre os dois meios, digital e físico.

Conheça 10 prós e contras sobre a utilização de panfleto:

Prós

  • A preparação e comercialização do panfleto é barata; 
  • Pode ser distribuído facilmente;
  • Traz resultados em pouco tempo: segue a norma do para cada ação existe uma reação, causando uma rápida satisfação do consumidor;
  • É permanente e tangível: o tempo de exposição para deleite de quem consome é durável;
  • Continua sendo uma alternativa confiável;
  • Consegue atingir todos os tipos de públicos;
  • Se o design e a comunicação forem atrativos e bem feitos, as chances de impacto podem aumentar positivamente;
  • Boa estratégia de marketing em massa para divulgar uma empresa e atrair novos clientes;
  • Se a arte do panfleto for bonita e criativa, pode chamar a atenção do cliente para sua marca de forma positiva;
  • Se for cordial e encantar o cliente na hora de entregar o panfleto, pode se ter um retorno positivo já nesse momento.

Contras

  • O armazenamento de panfletos individuais requer consideração especial, porque eles podem ser esmagados ou podem ser rasgados com facilmente;
  • O sucesso da panfletagem provém das pessoas que forem atingidas, portanto quanto menos público, menos vendas você atrai para seu negócio e mais obsoleta a mídia fica;
  • É uma mídia difícil de ser medida: o consumidor primário está disperso, com interesses múltiplos e atenção dividida entre os novos meios;
  • O contato com o cliente é muito rápido, visto que normalmente o panfleto é entregue quando ele está andando na rua;
  • Se não tiver quem leia os panfletos, as informações ali contidas impactam cada vez menos;
  •  Sustentabilidade: lixo nas ruas, entupimento de bueiros, quantidades de dióxido de carbono (CO2) que é emitida durante a produção do material, poluição visual, etc;
  • Abordagem de pessoas nas ruas, que pode gerar incômodo no público;
  • Imagem da empresa ligada na rua àqueles que estão panfletando, que muitas vezes são profissionais que o empresário nem ao menos sabe quem são;
  • Apesar de atingir muita gente, quem investiu não tem o retorno esperado, tanto financeiro quanto em visibilidade;
  • Normalmente, as prefeituras exigem autorização para panfletar.

Com tantos prós e contras pode ficar difícil estabelecer uma opinião concreta sobre a mídia mais eficiente. Não há de fato nada definido, não existe um meio que elimine ou altere o outro, o que acontece na verdade é uma grande valsa de benefícios. Um dos fundamentos do marketing é promover as marcas, produtos e serviços, valorizando os seus diferenciais, para o público certo. E isso deve ser feito usando as mídias e canais mais adequados para cada caso.

Uma mídia com um excelente custo benefício que, assim como os panfletos, abrange todos os tipos de público é a publicidade em sacos de pão. O pãozinho é um dos alimentos mais consumidos diariamente pelos brasileiros. De acordo com o Instituto Tecnológico de Panificação e Confeitaria (ITPC), o consumo médio mensal de pão francês no país é de 658,79 toneladas. Estima-se que 98% da população brasileira consome pão diariamente.

Resultado de imagem para premiapão

Uma vantagem desse tipo de propaganda é que, ao levar o saco para casa, o consumidor terá aquele material de divulgação presente no seu dia a dia, já que o saquinho estará à sua mesa, seja no café da manhã ou no jantar, impactando o cliente em potencial de forma mais eficaz. Como o consumo acontece em um local onde o cliente está à vontade, as chances daquela publicidade ser absorvida é quase de cem por cento.

Além de estar dentro da casa do cliente de uma maneira mais próxima, essa mídia pode atingir a família inteira, o que representa uma média de 3 a 4 pessoas impactadas com um único saquinho. A publicidade em saco de pão também é uma opção para empresas dos mais diversos  tamanhos e segmentos. Você pode conferir, no vídeo abaixo, o depoimento de um dos anunciantes da PremiaPão.

Esse tipo de publicidade é chamada de marketing de permissão. Esse ramo segue a ideia de que é preciso levar em consideração o consentimento dos consumidores para conseguir se relacionar bem com eles, criando ações de comunicação e marketing direcionadas a um público-alvo somente com a sua autorização. Diferente das outras formas de publicidade, os consumidores escolhem se querem interagir ou não com a marca.

Se você está inaugurando mais uma unidade do seu negócio e está com medo de não fazer uma publicidade assertiva, investir em publicidade em saco de pão pode ser uma boa ideia para você. Veja algumas, dentre as muitas, vantagens dessa mídia, disseminada pela PremiaPão:  

  • É uma mídia de baixo investimento e alto impacto: o anunciante vai investir, em média, apenas R$ 500. O valor é acessível para os pequenos, médios e grandes empresários;
  • Possui um grande alcance: Estima-se que cada saquinho alcança, em média, 4 visualizações. Como em uma tiragem são produzidos 30 mil saquinhos, os anúncios podem chegar ao alcance de cerca de 120 mil pessoas;
  • É uma mídia que se aproxima bastante do consumidor: Diferente dos panfletos distribuídos nas ruas e quase sempre jogados no lixo pelos pedestres, o saquinho de pão vai acompanhar o consumidor até sua casa. O que proporciona não só a captação de novos clientes, como também a projeção da marca ali anunciada;
  • É uma mídia sustentável: Os sacos da PremiaPão são feitos de material biodegradável, produzidos com papel certificado pela FSC (Conselho de Manejo Florestal). São utilizadas tintas atóxicas feitas a base de água na produção dos saquinhos, garantindo a saúde e bem-estar dos consumidores;
  • Fortalece o negócio local: Os saquinhos de pão são distribuídos em padarias da região do franqueado, sem custo para o dono. Os anunciantes também são daquela região. Dessa forma, os negócios locais são fortalecidos, já que a publicidade é uma das formas de tornar as empresas mais conhecidas e, consequentemente, captar mais clientes;
  • Não possui limite geográfico: A PremiaPão está presente em praticamente todas as regiões do Brasil. Podendo estar tanto em uma grande capital, quanto em uma pequena cidade do interior;
  • É um produto inovador: É um produto novo e diferente de todas as mídias de publicidade que o consumidor está acostumado. Produtos modernos como esse atraem a curiosidade das pessoas, aumentando as chances do consumidor se interessar pelas empresas que anunciaram nos saquinhos;
  • A empresa anunciante estará sempre em evidência: Diferente dos anúncios em jornais, por exemplo, que cobram valores mais altos para anunciantes que desejam estar na página inicial do impresso, nos saquinhos de pão a sua propaganda estará sempre em evidência. 

Além dos anúncios, os saquinhos também oferecem ao consumidor a chance de ganhar ótimos prêmios todos os meses. A PremiaPão premia os clientes através de um sorteio nacional. Já foram distribuídos mais de 160 mil reais em prêmios. A empresa também permite que o anunciante, disponibilize cupons de sorteios ou de descontos aos seus clientes, divulgados nos saquinhos de pão. Esse tipo de estratégia de marketing promocional auxilia a aumentar as vendas e a criar um vínculo de fidelização do público final com o anunciante.

A PremiaPão também oferece ao anunciante a opção de um saco de pão personalizado, ou seja, em vez de o saquinho possuir vários anúncios de negócios diferentes, ele terá apenas um, que será aquele da sua empresa. É uma alternativa de baixo custo e alto impacto.

Dados do Sebrae apontam que as padarias artesanais são responsáveis por produzir 79% dos produtos do setor e são as preferidas especialmente por estarem perto da casa do cliente. Os saquinhos de pão personalizados são distribuídos, em média, em 10 padarias locais parceiras.

Por ser distribuído em padarias da região onde a empresa anunciada está localizada, o saco de pão personalizado é um ótimo artifício de publicidade segmentada, uma vez que a população que frequenta aquela padaria certamente estará interessada nos anúncios de empresas da sua localidade.

Sem contar que com o saquinho de pão personalizado o cliente vai ter um contato direto e único com a sua marca, podendo estar em contato com o seu anúncio por no mínimo uma semana diariamente.

A segmentação da distribuição do saco de pão personalizado da PremiaPão é feita de forma inteligente. A empresa identifica através da geolocalização da cidade quais padarias estão propícias a entregar a mensagem de mídia daquele anunciante. Durante a análise, também é levado em consideração o perfil de consumo. 

Panfleto x Publicidade em saco de pão

Os panfletos embora atinjam todo tipo de público e tenham baixo custo de investimento, possuem um baixo retorno financeiro. Primeiro, porque as pessoas têm grande resistência ao receber os panfletos na rua. Segundo que esse tipo de publicidade não é segmentada, ou seja, é distribuída de forma aleatória para o público que aceitar receber.

Além disso, os panfletos não têm impacto a longo prazo sobre os consumidores, visto que, normalmente, pouco tempo depois de os receber, o consumidor já o descarta. Outra questão é que, quando o pedestre joga o panfleto da sua marca no chão, indiretamente, sua empresa também estará sujando a cidade, o que pode prejudicar a visão que seus clientes têm da sua marca.

Enquanto isso, os sacos de pão impactam, em média, 120 mil pessoas para cada 30 mil saquinhos produzidos, que é a quantidade de produção de cada tiragem. O tempo de exposição do produto é longo, em média de 30 a 60 dias, que é o quanto ele permanece na casa dos clientes.

Diferente dos panfletos, a publicidade em saco de pão tem, praticamente, 100% de aproveitamento e vai com o consumidor até a sua casa, não correndo o risco de ser jogado no lixo, pois é ali que estão os seus tão queridos pãezinhos.

Além disso, é um produto ecologicamente correto, já que é feito de material biodegradável e com tintas atóxicas feitas a base de água. Também é importante destacar que, de todas as mídias citadas, apenas o saquinho de pão da PremiaPão proporciona prêmios para os consumidores: viagens, carro, celulares, TV, e moto já foram sorteados.

De acordo com uma reportagem da revista Exame, a publicidade em sacos de pão consegue fortalecer os negócios locais, pois os sacos são distribuídos em padarias da região. Assim, o público consumidor vai receber uma publicidade segmentada, já que a maior parte dos anúncios são de interesse da população. As pequenas e grandes empresas podem escolher essa mídia, pois os resultados serão positivos para ambos os negócios.

Entre as principais características desse tipo de mídia, a possibilidade de anunciar de forma coletiva é um dos pontos mais interessantes para quem deseja reduzir custos. Ao serem distribuídos nas padarias cadastradas, o próprio consumidor do pão tem o poder de escolher se vai consumir aquela publicidade, o cliente concorda em receber aquela propaganda.

Por um baixo preço, esse tipo de mídia alternativa ganhou força nos últimos anos. A PremiaPão é líder de mercado no quesito publicidade em saco de pão. Muito mais do que simples embalagens, os sacos de pão têm se tornado meios de propagação impactantes. Se antes serviam unicamente para embalar os pães, agora conseguem anunciar diversas marcas em um só espaço. No Brasil, esse segmento cresceu por oferecer vantagens incríveis aos anunciantes. Entre elas, o alcance e o preço são, de longe, os itens mais importantes.