fbpx
25 dicas para alcançar sucesso nos negócios
25 dicas para alcançar sucesso nos negócios
Publicidade

25 dicas para alcançar sucesso nos negócios

Conheça os conselhos para conseguir atingir o tão sonhado sucesso nos negócios 

Uma das maiores angústias de quem está começando no mundo do empreendedorismo é investir dinheiro e tempo e não alcançar sucesso nos negócios. Se você já tem um negócio de família e vai precisar cuidar dele, esse medo geralmente é ainda maior. A cobrança por querer fazer as coisas funcionarem pode acabar atrapalhando o bom funcionamento da empresa.

Se você acabou de assumir ou está prestes a tocar uma empresa familiar, este texto é para você. Nós separamos uma lista de 25 dicas que vão ajudá-la a conquistar o tão sonhado sucesso no negócio familiar.

1- Ame o que você faz


Para alcançar o sucesso nos negócios, é preciso sentir paixão pela área que você resolveu investir. Conforme afirma Confúcio na famosa frase que acabou virando mantra, “faça o que você ama e você nunca terá que trabalhar um dia sequer na vida”. A partir do momento que você trabalha com algo que te dá prazer, aumentam as chances de você ter empreendimentos de sucesso porque você vai se dedicar com afinco e paixão à responsabilidade de fazer a empresa funcionar.

2- Esteja preparado


Estar intelectualmente bem preparado é essencial para que você se sinta mais seguro para levar um negócio adiante. Especialistas apontam que estar constantemente bem informado sobre o negócio é essencial para o empreendedor porque ajuda a diminuir os possíveis obstáculos enfrentados pela empresa ao longo do tempo. 

Por isso, é importante que você identifique as áreas que você desconhece e foque na capacitação. Procure ler blogs, sites, assine periódicos, assista canais de empreendedorismo no YouTube e participe de eventos que estejam relacionados ao seu nicho de mercado. 

3- Monte um plano de negócio


Negócios bem sucedidos exigem um bom plano de negócios que contenham metas e os caminhos para alcançá-las. Esse plano vai ajudar a empresa a não perder tempo nem dinheiro com atitudes erradas que não se encaixam com o seu negócio. 

Para montar o modelo de negócio é preciso fazer uma análise relevante do mercado , clientes e concorrentes em potencial. De forma geral, o plano descreve o negócio e se analisa a situação do mercado, projetando ações futuras, funcionando como um roteiro sobre tudo que vai acontecer na sua empresa. Esse vídeo do Sebrae mostra, de maneira didática, como fazer o plano de negócio.

4- Conheça o seu próprio perfil


Você deve se perguntar: no que eu sou bom para trabalhar? A partir da resposta, você vai avaliar em qual das três opções você se encaixa: operador, que é aquela pessoa que executa o trabalho; gestor, que é o profissional que vai administrar a empresa; e empreendedor, que é o responsável por tomar as decisões e definir o direcionamento dos negócios. É importante você delimitar onde você se encaixa para que você não assuma áreas que você não tem capacitação e isso acabe atrapalhando o sucesso do seu negócio.

5- Comece devagar


Muitos empreendedores acabam desistindo de um negócio porque já querem que ele comece grande e perfeito. É preciso ter em mente que uma empresa leva tempo para deslanchar e requer investimento. Muitos empreendedores acabam errando porque se excedem no investimento. Por isso, especialistas apontam que o empreendedor deve ter ambições grandes, mas deve começar o seu negócio pequeno para que aprenda a crescer com segurança e solidez. A pergunta que deve ser feita é: qual deve ser o tamanho da minha empresa? 

6- Não tenha medo de errar


Logo que o plano de negócio é criado, o empreendedor começa a ter expectativa em cima daquela empresa e já imagina seu negócio funcionando perfeitamente. Essa dor é mais latente quando você assume negócios familiares, já que a pressão geralmente é maior para que empresa continue funcionando a pleno vapor.

É preciso lembrar que toda empresa está sujeita a erros e que ajustes serão necessários ao longo do caminho. Uma empresa não nasce já perfeita. Especialistas apontam que um caminho que pode ser feito pelos empreendedores é prototipar a sua ideia de negócio com os recursos disponíveis no momento. 

Ou seja, antes de ir para a ação, é importante fazer um modelo daquele negócio para enxergar o que pode funcionar e o que precisa ser melhorado. Buscar conhecimento também é um caminho para ajudar a diminuir a possibilidade de erros. Ainda assim, é importante que o empreendedor assuma os riscos sabendo que, inevitavelmente, cometerá erros e que eles fazem parte do processo de aprendizado.

7- Invista na gestão de pessoas


Para além do investimento financeiro, a empresa deve investir nos melhores talentos para formar uma equipe vencedora. Identifique quais áreas você precisa recrutar talentos e recrute. A dica é priorizar não apenas a qualificação desses profissionais, mas buscar pessoas que estejam alinhadas com a cultura da empresa, para que ele consiga absorver os valores que ela prega. Para que você consiga os melhores colaboradores, é importante investir no incentivo aos profissionais e no trabalho que agregue valor a equipe.

8- Acompanhe os resultados da empresa

É muito importante criar uma rotina de acompanhamento dos resultados de vendas, receita e lucratividade. Isso pode acontecer através de reuniões mensais para debater o resultado e pensar em quais ações serão executadas para melhorar o desempenho. É importante lembrar que é preciso trabalhar sobre a raiz dos problemas e não sobre o resultado. Consultorias, cursos e empresas do seu segmento podem ser um bom caminho para trocar experiências e solucionar os problemas.

9- Organize as suas finanças


As finanças são essenciais para que a empresa continue a funcionar e o sucesso nos negócios seja alcançado. Por isso, é importante que você esteja de olho nelas. Dois conceitos são essenciais nessa questão: capital de giro e fluxo de caixa. 

O capital de giro é o garantidor da saúde financeira da sua empresa. É ele que proporciona a reposição dos estoques, assegura dinheiro em caixa quando as vendas são feitas a prazo e o pagamento de fornecedores, por exemplo.

O fluxo de caixa é o dinheiro que sobra na conta corrente e/ou em dinheiro vivo no caixa da empresa ao final de cada dia. O planejamento é essencial para que a gestão do seu capital de giro tenha êxito e para evitar problemas futuros de má administração, mantendo o fluxo de caixa saudável. 

Portanto, o primeiro passo é registrar todas as entradas e saídas de capital da sua empresa para que você consiga entender como a sua demanda e seu público funcionam. Também é importante que você monitore atentamente as contas a pagar, contas a receber, inadimplências, gastos, custos e despesas – fixos e variáveis.

10- Conheça o seu cliente


Para alcançar o sucesso nos negócios, você vai precisar entender a importância dos consumidores para o seu empreendimento e entender como a sua empresa impacta a vida desses clientes. Eles são os responsáveis não apenas por trazer receita, mas podem ser a fonte de inovação da sua empresa. Ter a capacidade e sensibilidade de se colocar no lugar do cliente e conhecer as suas necessidades e expectativas pode ser um caminho para conquistar confiança e ser sempre a preferência.

11- Invista em publicidade e marketing


Para que o seu negócio prospere, é fundamental o investimento em marketing. Não existe uma quantidade exata de quanto deverá ser investido em ações de marketing e nem como essas ações vão acontecer – isso depende do seu planejamento. Mas é preciso levar em consideração que você precisa conhecer o seu público para poder traçar as estratégias de marketing. 

Investir no marketing vai afetar positivamente a captação de clientes e o retorno para o seu negócio. Um exemplo de virada de marketing que transformou uma marca é a da Dove, empresa focada em produtos de higiene pessoal. A marca, que antes tinha a sua comunicação voltada para o principal diferencial do produto, a hidratação, passou a usar um conceito mais focado na beleza da mulher. 

As peças publicitárias da empresa passaram a trazer mulheres com vários tipos de beleza. Um vídeo publicitário da campanha “Real beleza” criado pela Dove viralizou na internet há mais de 10 anos e é lembrado até hoje. O material relata a criação do retrato falado de sete mulheres que deveriam descrever a si próprias a um artista forense. As convidadas também descreviam algumas das outras mulheres. 

As participantes ficavam escondidas atrás de uma cortina e o artista utilizou então a autodescrição delas como a base de seus desenhos. Ao final, o artista mostrava a cada mulher o retrato que ela própria descreveu e também um outro retrato, construído a partir das opiniões de outra pessoa. As diferenças entre os retratos mostram o quanto as pessoas têm uma imagem muito pior de si próprias. 

O vídeo foi ganhador principal do Festival de Cannes, o Grand Prix, em 2013. O material publicitário fez a empresa aumentar a sua visibilidade em todo o mundo e também ganhar maior valor de mercado. 

12- Seja diferente 


Pense de que maneira você pode diferenciar das demais empresas que também trabalham com aquele nicho. Para que você seja destaque e ganhe uma fatia a mais do mercado escolhido, é preciso ter um diferencial que faça a sua empresa se sobressair. 

Montar um negócio exatamente igual a um já existente não vale a pena. Perguntas como “qual necessidade do mercado a minha empresa atenderá?”, “o que eu quero que seja entregue para o meu cliente?” podem ajudar você a pensar em um negócio diferenciado.

13- Identifique as dificuldades da sua empresa


É importante que você analise a fundo as operações da sua empresa e consiga listar os três principais gargalos que o seu negócio está atravessando. Perguntar “o que torna sua empresa menos eficiente?” e “o que diminuiu a velocidade do seu crescimento?” pode ser um caminho para começar a entender as dificuldades da sua empresa. Após identificar os gargalos, monte um plano de ação para otimiza-los.

14- Prepare-se para as crises


Inevitavelmente, as crises vão acontecer. Portanto, é preciso estar preparado. Se você já observou que virão dificuldades na economia, prepare a sua empresa para ultrapassar essa crise. O mais importante nesse momento de dificuldade é fazer com que a empresa não feche as portas, mesmo que ela não cresça durante um certo período.

15- Seja humilde


“Humildade é acreditar que não se sabe tudo. É importante aprender a ouvir e prestar atenção em outras ideias, e não tentar impor somente a sua”. A frase é de Abílio Diniz, um dos empresários mais respeitados do país. Por isso, procure ouvir mais e falar menos, e sempre expresse a sua opinião quando for necessário. Não use o seu conhecimento apenas para se enaltecer, porque isso pode prejudicar a sua convivência com os seus colaboradores.

16- Tenha momentos de lazer


Tire um tempo para fazer coisas que te deixam de bom humor e feliz. Nesse momento de pausa não faça nada relacionado ao trabalho, busque algo que lhe dê prazer e que te desconecte totalmente do mundo dos negócios. Dosar o tempo dedicado à vida profissional e particular é essencial. 

17- Seja um bom líder


Ao tomar qualquer atitude dentro da empresa, pense sobre qual tipo de inspiração você quer ser. Para isso, é importante que você ouça as pessoas, aprenda com elas e aprenda a elogiá-las. As críticas não devem ser feitas abertamente, em ambientes que outras pessoas estejam. Além disso, você deve ser controlado para não perder a calma em momentos de estresse. 

Lembre-se que a sua empresa deve ser considerada pelos funcionários como um ambiente feliz e saudável, e a sua atitude como líder vai influenciar nisso. “Defina-se mais pelo comportamento e pelos valores do que pelo conhecimento técnico”, afirma Abílio Diniz.

18- Mapei a concorrência


Mapear a concorrência não significa copiar o que ela está fazendo, mas pode servir de base para que você crie as suas próprias inovações e consiga prestar um atendimento diferenciado e de maior qualidade. Nesse mapeamento, é preciso que você conheça os produtos e serviços oferecidos pelos seus concorrentes, quanto eles cobram, como é feita a divulgação e como eles interagem com os clientes.

19- Crie metas


É importante você preparar uma lista de metas a curto, médio e longo prazo. Essas metas podem ser valiosas e vão ajudar a manter a sua produtividade. Além disso, serão essenciais para que você consiga medir se as suas ações estão sendo eficazes ou se é preciso rever o planejamento. As metas devem ser focadas em cada departamento da empresa e é importante que se estabeleça também o prazo de conclusão ideal para cada uma delas.  

20- Pratique o networking


Para alcançar o sucesso nos negócios, é preciso que o seu olhar não esteja voltado unicamente para a sua empresa. Portanto, foque, também, em formar uma rede de contatos com outros empreendedores. Para isso, compareça em eventos, palestras e em outras promoções da sua área profissional – elas são ótimas oportunidades de aproximação. Você também pode usar as redes sociais a seu favor para criar uma aproximação com pessoas da área. O LinkedIn, por exemplo, é uma ferramenta voltada exclusivamente para o mundo profissional.

21- Participe de mentorias


Buscar aconselhamento com pessoas que, para você, sejam uma fonte rica de experiência e informações pode ajudar você a perder o medo de arriscar nos negócios. Use essas mentorias para compartilhar os seus medos, seus anseios e principalmente, onde você quer chegar. Isso vai permitir um crescimento profissional baseado na troca de experiências e vai aumentar as chances de sucesso nos negócios.

22- Atente-se aos feedbacks


É importante que você não foque apenas em vender ou prestar o seu serviço. Se preocupar com o pós-aquisição é de grande importância para que você conheça quais pontos devem ser melhorados na sua empresa. Para isso, abra canais de comunicação para que o cliente possa avaliar o seu negócio.

23- Evite financiamentos


Só use um financiamento se ele for fundamental para a sua empresa e se você tiver como quitar as dívidas. Tenha em mente que os juros cobrados pelas instituições financeiras podem te trazer problemas futuros, prejudicando a operação da sua empresa e a administração do seu capital de giro, o que afasta a possibilidade de sucesso nos negócios.

24- Não desista


Aceite as adversidades como uma realidade comum nos negócios. Não desista diante da primeira dificuldade. A capacidade de resistir aos erros e seguir em frente pode ser decisiva para fazer o seu negócio prosperar.

25- Tenha habilidade de comunicação


Busque ser claro e direto na hora de delegar tarefas e tenha muito cuidado com a forma pela qual se comunica. Sempre confirme se foi entendido para, assim, evitar erros e mal-entendidos. Você pode investir em ferramentas de comunicação interna como e-mail, murais, aplicativos de trocas de mensagens e intranet.

Nós falamos mais acima sobre o exemplo positivo do marketing de uma grande empresa, a Dove. Você deve estar se perguntando: como o marketing pode funcionar no meu negócio? Há diversos tipos de publicidade que podem ser utilizadas pela sua empresa, inclusive em conjunto umas com as outras, visto que um tipo de publicidade não exclui a outra. Pequenos negócios de sucesso estão diretamente relacionados com um bom marketing.

Existe o marketing digital, que é quando um produto ou marca é promovido por meio de mídias digitais – é uma maneira das empresas se comunicarem com o público de forma direta, personalizada e no momento certo. Em um mundo cada vez mais conectado, essa estratégia tem sido cada vez mais procurada.

Outra forma de fazer publicidade são os saquinhos de pão. A PremiaPão, por exemplo, é especializada na comercialização de publicidade em sacos de pão. Para anunciar nos saquinhos, é preciso desembolsar aproximadamente R$ 500 reais para ter a sua marca estampada em 30 mil sacos de pão que vão impactar cerca de 120 mil pessoas. 



O saquinho de pão vai acompanhar o consumidor até sua casa, gerando aproximação com o potencial cliente que muitas empresas buscam e dificilmente conseguem, proporcionando não só a captação de novos clientes, como também a projeção da marca. Para saber mais sobre a PremiaPão, clique aqui.

A Rappi, aplicativo de entrega sob demanda, anunciou com a Premiapão e conseguiu alcançar o aumento nas vendas. “Achei a proposta inovadora. Quando a gente vê o resultado, o saquinho pronto, os usuários entrando no aplicativo de semana a semana, a gente se empolga”, afirma o growth leader da Rappi no Nordeste, Vitor Marques. 

A campanha da Rappi com a PremiaPão foi veiculada na cidade do Recife, durante os meses de novembro e dezembro de 2018, com saquinhos exclusivos. “O que me impressionou foi a quantidade de compras. A gente viu que quase 100% das pessoas que entraram na Rappi por conta da PremiaPão voltaram a comprar. Para gente, foi muito bom”, afirma Vitor.

Ainda em dúvida sobre como investir na publicidade para alcançar o sucesso nos negócios? Neste vídeo, o CEO da PremiaPão, Raphael Mattos, vai te dizer quantos reais do seu faturamento você precisa destinar ao Marketing da sua empresa, e porque.

Categorias